Podemos construir um mundo melhor, isso só depende de cada um de nós.


Mãe: a perfeição

Mãe: a perfeição

Na foto com minha mãe Adélia Batista Costa

 

Meses de transformações em seus corpos, mudanças que geralmente trazem algum tipo de desconforto, por vezes dores, muitas, mas elas seguem firmes, quem dera fosse somente durante o período de gestação os problemas, logo ao mundo surge mais um ser, e desde então as mães têm fora dos seus corpos uma parte delas. Não podemos esquecer as tias, avós e aquelas mulheres que por algum impedimento não podem gerar uma criança, contudo, tornam-se mães como outra qualquer, amando seus filhos e filhas adotados ou agregados como se biologicamente os tivessem gerado, sem distinção alguma.

 

Amor incondicional, doação total, preocupação constante, força descomunal em nome dos filhos ou filhas, mãe é isso e muito, muito mais. Como defini-las? Como quitar com elas o que fazem e fizeram por nós filhos e filhas? Podemos até tentar defini-las, mas nunca conseguiremos quitar nossos débitos com nossas mães, e nem tente pagar nada a elas, apenas as amem, cuidem, respeitem e não esqueçam de forma alguma de suas mães.

 

Alguém escreveu que mãe é a palavra mais perfeita já criada, concordamos plenamente. A palavra mãe trás consigo características e qualidades que somente uma mãe pode ter e sentir. Hoje é dia das mães, das que já não estão mais fisicamente nesse plano terreno, das que ainda com a graça de Deus nos dão a grande satisfação em tê-las conosco. Mas tomemos algo como ensinamento, todos os dias as mães devem ser adoradas, amadas e muito bem cuidadas, pois todo dia e dia das mães.

 

 

Parabéns a todas as mães!

 

 

Alex João Costa Gomes


Comente:

Nenhum comentário foi encontrado.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!