Podemos construir um mundo melhor, isso só depende de cada um de nós.


Para refletirmos

16/01/2013 18:05

 

"Conta-se que um soldado dirigiu-se ao seu superior e lhe solicitou permissão para ir buscar um amigo que não voltou do campo de batalha. Permissão negada, respondeu o tenente.

Mas o soldado, sabendo que o amigo estava em apuros, ignorou a proibição e foi a sua procura. Algum tempo depois retornou, mortalmente ferido, transportando o cadáver do seu amigo nos braços.

O seu superior estava furioso e o repreendeu:

- Não disse para você não se arriscar? Eu sabia que a viagem seria inútil! Agora eu perdi dois homens ao invés de um. Diga-me: valeu a pena ir lá para trazer um cadáver?

E o soldado, com o pouco de força que lhe restava, respondeu:

- Claro que sim, senhor!Quando eu o encontrei ele ainda estava vivo e pôde me dizer: - “Tinha certeza que você viria”!"

 

(Anderson Griman)

 

O texto nos instiga a uma profunda reflexão, já havia lido há bastante tempo, sempre tive vontade de socializá-lo e comentar algo sobre o mesmo, agora temos esse espaço que nos possibilita isso, devemos refletir que em hipótese alguma se abandona um amigo, um companheiro ou alguém que você gosta e quer bem, seja qual for o campo de batalha não devemos abandonar aquele ou aquela que muito nos ajudou, que muito fez por nós, por nossa gente, seja na política, em uma guerra, em qualquer situação, não abandone quem nunca o abandonaria. Pensem bem a respeito dessa questão.

 

Alex João Costa Gomes

—————

Voltar


Comente:

Nenhum comentário foi encontrado.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!