Podemos construir um mundo melhor, isso só depende de cada um de nós.


Evite as panes elétricas nas viagens de fim de ano

15/12/2013 19:14


 

 O sistema elétrico do carro é muito delicado. Cuide dele para não correr o risco de parar no trânsito. Fique atento aos componentes prestando sempre a atenção no painel
 

 

Dando continuidade às reportagens para que os leitores do Sobre Rodas façam uma boa revisão dos seus carros antes de pegar a estrada para as festas de fim de ano, desta vez o SR foi conversar com o empresário Júlio César Alves Bento, da Tecnoar, empresa especializada em eletricidade e manutenção de aparelhos de ar-condicionado. Para ele, a parte elétrica é a primeira que deve ser resolvida porque o sistema elétrico dos carros é o grande responsável por controlar toda a tecnologia instalada nos veículos.

 

“As panes elétricas são as causas mais comuns de problemas no carro. Isso acontece porque a verificação do sistema elétrico não é feita regularmente pelo motorista”, explica ele. O empresário ensina que mesmo o carro não tendo problemas, é importante checar a bateria.

 

“Muitas vezes a bateria pode estar solta ou bamba dentro do suporte. É preciso consertar para que as placas não fiquem balançando. Verificar o nível de água também é preciso e limpar bem os polos ajuda a conservar a bateria porque ela é o principal componente do sistema elétrico do carro e alimenta todo o conjunto”, diz ele.

 

Já em relação ao alternador, Júlio César comenta que ele é essencial para o sistema elétrico, pois sem ele o carro dependeria somente da energia acumulada na bateria. “Precisamos verificar sempre o embuchamento e a escova do alternador para evitar dificuldades na partida do motor. Se a luz da bateria do painel acender, corra para uma oficina para verificar o funcionamento do alternador porque ele não estará carregando a bateria”, ensina. 

 

Outro item que Júlio César chama a atenção é a verificação das lâmpadas dos faróis e das lanternas que são muito importantes na sinalização dos carros porque evitam acidentes. “Recomendamos as trocas das lâmpadas por motivos de segurança, para que o motorista não tenha problemas durante uma viagem à noite”, adverte o empresário.  Ainda segundo ele, as luzes de posição e as setas também devem ser verificadas para evitar colisões. Por serem luzes mais utilizadas, é recomendável a troca anual. “Devemos lembrar que não se deve esperar a lâmpada queimar para efetuar a troca. Ela deve ser feita com a lâmpada ainda funcionando, para evitar o risco de queima durante uma situação onde ela é necessária”, completa. 

 

Como regra simples, ele explica que quando o carro dá uma pane e não dá mais partida, mas as luzes do painel permanecem acesas, o problema pode ser bomba de combustível ou bateria. “Se você ligar a chave do carro e direcionar os ouvidos para onde está localizada a bomba e ouvir um ‘clic’, é porque a bomba está funcionando, caso contrário é a bateria. Por outro lado, quando você dá partida e não tem luz nenhuma é porque a bateria está descarregada”, finalizou Júlio César.


 

Fonte: JM Online

 

—————

Voltar


Comente:

Nenhum comentário foi encontrado.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!